sexta-feira, 20 de julho de 2012

POVO INDIGENA PAITER SURUÍ LANÇA PLANO DE TURISMO EM TERRA INDIGENA SETE DE SETEMBRO EM RONDÔNIA

Foi entregue na terça feira 17 de julho de 2012 o Plano de Negócio de Turismo da Terra Indígena Sete de Setembro, a cerimonia do lançamento aconteceu na aldeia Joaquim, da etnia Paiter-Suruí, próximo a Cacoal. Na ocasião estiveram presentes representantes de todas as aldeias Paiter Suruí, lideradas pelo Lider Maior do Povo Paiter Suruí, Almir Suruí, anfitrião da festa, além do superintendente de Turismo do Estado, Basílio Leandro Pereira de Oliveira, membros da Associação Metareilá do povo indígena Paiter-Suruí, representantes da Ong Kanindé - Associação de Defesa Etnoambiental, membros da CSF-Conservação Estratégica e diversas autoridades municipal  e estadual e federal.
O plano de turismo apresentado é fruto de três anos de pesquisas e discussões participativas, com vários estudos e levantamentos de campo sempre resguardando o bem-estar e a integridade dos índios nativos da região. “Manter a floresta em pé é fundamental para proporcionar um eco-turismo limpo e sustentável, que gere renda para nosso povo. Essas são as nossas metas”, disse emocionado, o cacique Almir Suruí num discurso em tupi-mondé que depois traduzido em português.
Basílio Leandro reiterou o total apoio do governo do Estado através da Superintendência de Turismo (Setur) e da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Social (Sedes) e colocou o órgão de turismo à disposição para eventuais consultorias e treinamentos dos futuros guias turisticos indígenas.

Após as apresentações os participantes visitaram uma exposição fotográfica mostrando o dia-a-dia da aldeia, apreciaram uma amostra do artesanato produzido por eles, almoçaram comidas típicas cujo prato principal era peixe tambaqui assado na folha de bananeira. À tarde, visitaram outro setor da aldeia, onde puderam interagir na confecção dos arcos e flechas, cestos, ornamentos e cocares.
O ponto alto foi quando todos puderam receber as pinturas corporais tradicionais, para a festa Mapimai – a Criação do Mundo, feitas a partir de um preparo a base de jenipapo. Visitantes da Itália, Estados Unidos e de diversos estados do Brasil ficaram encantados e aprovaram a iniciativa do plano e a estrutura ainda tímida para recepção dos turistas
Também participaram da cerimonia e das visitações jornalistas e fotógrafos de várias publicações, atestando o sucesso da ideia. A Setur produziu imagens que estarão na revista de turismo oficial de Rondônia, a ser publicada em breve.
A iniciativa é pioneira no Brasil e tem o apoio do Sebrae.

Autor: Gasodá Surui

Nenhum comentário:

Postar um comentário